segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Chega de blá blá blá- Agora é para valer



Querida Nação:
Ainda estou aqui em Orlando, mas percebo claramente que chega o momento de passarmos a uma nova etapa na nossa caminhada em 2009, que apenas se inicia...
Desde o fim de 2008, tivemos as mesmas notícias ruins de sempre nos jornais a cada dia:
- os mesmos dirigentes incompetentes ( destaque total para MB e KL );
- falta de reforços qualificados para vestir o manto sagrado;
- salários atrasados há meses;
- poderíamos citar vários outros problemas crônicos do clube.
De positivo, eu vejo a manutenção da boa base que temos, a chegada do Cuca ( opinião minha contra a grande maioria ) e o sucesso da pressão que fizemos para o Wandinho ficar.
Teríamos todos os motivos para começar a temporada sem motivação alguma e pessimistas.

Eu disse teríamos, porque isso aqui é Flamengo e nós somos A TORCIDA DO FLAMENGO.
Foi excelente o debate e a busca de soluções para os problemas do CRF, mas isso não basta.
Em 25/01, nosso time entra em campo para o primeiro compromisso oficial do ano contra o Friburguense, e a Nação precisa apoiar. Sabemos dos problemas existente e principalmente de quem vamos continuar cobrando uma gestão menos amadora, mas precisamos entrar em campo a apoiar de verdade. Nós fazemos a diferença na arquibancada, sempre fizemos.
E você? Vai dar seu apoio ou apenas ficar reclamando de braços cruzados?

Nada do Flamengo, tudo pelo Flamengo. SRN, Luís Eduardo.

3 comentários:

Valdemar disse...

Tenho acompanhado muito pouco o futebol, pois como havia dito estou em LONDON e não vi, muita movimentação de contratações de peso no flamengo...

Estamos fadados a mesmice de 2008 ?

Luís Eduardo disse...

Caro Valdemar:
se você realmente estivesse em Londres, certamente teria um melhor nível cultural e escreveria menos asneiras.
O início será igual a 2008, tem razão: seremos TRI-ESTADUAIS.
SRN, Luís Eduardo.

maicher disse...

Although from different places, but this perception is consistent, which is relatively rare point!
nike dunk